Guarda Civil identifica mais de 17 mil crianças com pulseiras durante o Carnaval 2024

HomeBahia

Guarda Civil identifica mais de 17 mil crianças com pulseiras durante o Carnaval 2024

Guarda Civil identifica mais de 17 mil crianças com pulseiras durante o Carnaval 2024
Foto: Joka O. Gueiros / Secom PMS
A Guarda Civil Municipal (GCM) de Salvador identificou mais de 17 mil crianças e adolescentes com pulseiras durante os seis dias do Carnaval 2024, um aumento de 24,7% em comparação ao ano passado. O órgão é pioneiro no serviço de identificação de crianças em grandes eventos, prestando há 10 anos o serviço preventivo.
A ação ocorreu nos três circuitos oficiais da festa, e consiste na entrega de uma pulseira em que constam o nome da criança, do seu responsável e um telefone de contato. A iniciativa é organizada pela Coordenadoria de Ações e Prevenção à Violência (Cprev) com o objetivo de garantir mais segurança às famílias.
Moradora do bairro de Castelo Branco, Hildete Santana aproveitou a terça-feira (13), último dia de Carnaval, para curtir a folia no Campo Grande acompanhada dos três netos. “Assim que eu cheguei procurei logo os guardas para colocar as pulseiras neles. É uma ação importante, principalmente porque eles brincam, correm pela rua inteira. Então, com a pulseira, eles acabam ficando um pouco mais seguros”, contou a idosa.
Maria Paula, mãe do pequeno Levi, de 6 anos, também considera o acessório um aliado importante no Carnaval. “A pulseira acaba trazendo um pouco mais de tranquilidade para a gente. Nunca queremos que nada de ruim aconteça, mas se ele vier a se perder, alguém vai me encontrar rapidamente”, disse.
De acordo com o coordenador do Cprev, James Azevedo, a iniciativa de identificar as crianças integra uma das ações municipais de proteção a esse público, que também marca presença nos circuitos da folia. “A gente faz essa identificação para, caso haja algum problema, as patrulhas consigam encontrar rapidamente o responsável”, conta o gestor.
As distribuições foram feitas pelas equipes em pontos estratégicos da cidade que facilitavam o acesso aos circuitos do Carnaval como a Estação da Lapa, Barra, Avenida Contorno, Avenida Sete, Terreiro de Jesus, bem como no Elevador Lacerda.
Fonte: SECOM/Salvador

COMMENTS