A Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) emitiu um alerta sobre a catapora nesta terça-feira (15) após o aumento de casos da doença no estado. De acordo com a pasta, até o último dia 12 de agosto, foram contabilizados 443 casos da doença. A Sesab revelou que o alerta ocorreu depois de um aumento na notificação de surtos em unidades escolares de alguns municípios. A prefeitura de Fátima, no Nordeste baiano, suspendeu as aulas na cidade após um surto de catapora. Ao G1, a secretária de saúde da cidade, Mônica Reis, já foram notificados 18 casos em um período de uma semana. Outros casos ainda podem ter ocorrido, já que há relatos de pessoas que não procuraram o serviço de saúde. O alerta tem como objetivo promover medidas de prevenção e controle da catapora, que teve o maior coeficiente de incidência entre crianças menores de um ano de idade. O documento ainda aponta que toda a rede de saúde deve fazer notificação imediata de casos suspeitos de catapora às autoridades sanitárias municipais e estadual (vigilância epidemiológica). O alerta também descreve que as baixas coberturas vacinais representam risco iminente para ocorrência de surtos e casos graves de catapora no estado – e consequente aumento dos internamentos.Fonte: Bahia Notícias