HomeGospel

Quem são Paulo e Juliana Subirá, pastores que podem ter escondido abuso do marido de Heloisa Rosa

O caso envolvendo Marcus Grubert, marido da cantora gospel Heloisa Rosa, acusado de abusar de uma criança de seis anos no ano passado, acaba de escalar para outro nível após a revelação de que Grubert já havia abusado de uma jovem há 14 anos.

Com esse novo caso vindo à tona, o Fuxico Gospel voltou a apurar mais informações e descobriu que, em Orlando, EUA, onde Heloisa vivia com o marido antes de sua prisão, a família congregava na igreja Alcance, uma denominação voltada para a comunidade brasileira nos EUA, comandada pelo casal Paulo e Juliana Subirá.

📱 Participe dos canais do Fuxico Gospel no WhatsApp.

Paulo é irmão do pastor Luciano Subirá, que preside a igreja no Brasil.

De acordo com informações, dias após o episódio em que Marcus abusou da filha da assessora de Heloisa, ainda no ano passado, Paulo e Juliana o confrontaram na presença de Heloisa, e ele confessou que havia abusado da criança.

Após saber disso, Paulo teria contatado a igreja Alcance em Curitiba sobre o ocorrido, e a igreja no Brasil enviou uma mulher que ficou hospedada com Heloisa para lhe dar suporte emocional por 17 dias, com tudo custeado pela igreja Alcance de Curitiba.

Apenas em março deste ano, cerca de um ano depois, os pastores Paulo e Juliana Subirá decidiram prestar depoimento sobre o crime de Marcus Grubert. A demora em denunciar o crime pode levar os pastores a responderem pelo crime de conivência ou obstrução de justiça.

Pais de três filhos, Paulo e Juliana deram início à Alcance Orlando em 2018, através de uma célula familiar que já funcionava desde maio de 2017.

Fonte: clique aqui.

Você gostou desse conteúdo? Compartilhe!

COMMENTS