Morre Neuza Itioka, referência de intercessão no Brasil

Neuza Itioka, um dos grandes nomes do ministério de Cura e Libertação no Brasil, faleceu nesta terça-feira (6) aos 84 anos, após complicações de um quadro de pneumonia.

A líder cristã trabalhava desde 1988 nos campos de libertação, cura interior e batalha espiritual. No Brasil, Itioka era presidente do Ministério Ágape Reconciliação e do Instituto Neuza Itioka, e atuava em outras frentes de ministérios internacionais e nacionais ligados à Intercessão Estratégica e também ao Conselho Apostólico Brasileiro.

A morte de Itioka foi divulgada nas redes sociais: “Com profunda tristeza, comunicamos o falecimento da Dra. Neuza Itioka. Nos últimos dias, ela foi acometida por uma pneumonia, sendo encaminhada para o hospital onde teve todo o suporte necessário. Aprouve o Senhor recolher sua filha para si”.

“Agrademos ao Senhor pela honra de servir o Reino de Deus ao lado da Dra. Neuza. Seu legado, seus ensinamentos e sua missão continuarão a abençoar muitas vidas”, continua a nota.

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Instituto Neuza Itioka (@neuzaitioka)

Itioka fundou a Editora AMAR, hoje chamada Editora Coffea. A autora escreveu os livros: Cura Interior e a Batalha Espiritual; Noiva Restaurada; Deus Se Move através da Oração; Cristo nos Resgata de Toda Maldição Hereditária; Deuses da Umbanda; Restauração Sexual; Libertando-se de Prisões Espirituais; Deus quer a sua Cidade; Série Cruz: Igreja e a Batalha Espiritual.

Pais de imigrantes japoneses, Neuza Itioka nasceu em abril de 1939, na cidade de São Paulo, onde iniciou o seu trabalho e carreira missionária. Formada em Pedagogia pela USP, Bacharel em Teologia (Faculdade Metodista Livre), e doutora em Missiologia pelo Seminário Teológico Fuller, em Pasadena, na Califórnia, reconhecida mundialmente pela “International Coalition of Apostles”, Itioka construiu um legado de ensino e ativação de intercessores no País.

Ainda não há informações sobre o velório.

Fonte: Guia-me