Drag queen faz apresentação para alunos em escola de Mato Grosso

A Escola Estadual Professora Edith Pereira Barbosa, localizada a 220 km de Cuiabá, na cidade de Rondonópolis, se tornou o centro de uma polêmica devido a apresentação de uma drag queen para adolescentes.

Fotos do evento foram divulgadas no perfil da deputada federal Amália Barros no Instagram.

“Espero que o governo de Mato Grosso tome providências assim como fez com o caso recente ocorrido em Juína [informações no final], pois agiram rápido e tomaram medidas assertivas!”, escreveu a parlamentar.

Segundo o RepórterMT, um professor do conselho deliberativo da escola teria convidado a drag queen para fazer uma palestra para os alunos sobre diversidade e combate ao preconceito.

No entanto, as imagens compartilhadas não sugerem que tenha ocorrido uma palestra no formato tradicional, pois exibe a drag queen em exibições sensualizadas.

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Amália Barros (@amaliabarros)

Segundo a Folha do Estado Online, o evento, que aconteceu em junho deste ano, foi realizado sem o prévio conhecimento da diretora da escola.

Após a apresentação da drag queen durante o horário de aula, a diretora manifestou sua discordância em relação ao acontecimento e o registrou em ata.

Escola em Juína

De acordo com o veículo, o caso não é isolado em Mato Grosso, uma vez que recentemente ocorreu um incidente semelhante na Escola Estadual Dr. Artur Antunes Maciel, que está localizada em Juína, a 735 km de Cuiabá.

Naquela situação, ativistas do movimento LGBT incentivaram os alunos a repetir frases com apologia à ideologia de gênero durante o que foi chamado de "palestra".

O caso foi documentado em vídeo e levou à intervenção da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), resultando no afastamento da diretora da escola e na abertura de um procedimento de investigação.

Fonte: Guia-me